Blog de Iluminação Arqflex

Experiência de CEO

Publicado em 24/11/2018 às 13h21

Studio Arqflex compartilha a experiência de um dos melhores CEOs do mundo

Segundo pesquisa realizada pela Harvard Business Review, o engenheiro Renato Vale faz parte do ranking dos 100 melhores gestores mundiais

Renato Vale, que integra o ranking dos 100 melhores gestores mundiais, segundo a Harvard Business Review foi um dos destaques da primeira etapa do 8º Studio Arqflex, que acontece neste sábado e domingo, em Brasília. Ex-dirigente do Grupo CCR, antiga Companhia de Concessões Rodoviárias, por quase 20 anos,  Valle compartilhou, de forma intensa e generosa, a sua larga experiência com os participantes do evento.

Modesto, Vale diz que ter sido eleito um dos melhores CEOs mundiais tem a ver com a combinação de vários fatores: “muito de aplicação, trabalho, mas também estar no lugar certo, ter sorte e oportunidade. Essa pesquisa também tem muito a ver com a empresa na qual trabalhei por quase 20 anos”, diz referindo-se à CCR, empresa com 15 mil funcionários, que entre os diversos negócios, opera aeroportos em vários países.

Ao falar para uma plateia de jovens profissionais, Renato  destacou a importância de se tentar sempre fazer o melhor. “Acho que sempre temos que ir além, trabalhando de forma mais eficiente”, disse o palestrante que apresentou  a sua trajetória, forma de atuação e experiências vivenciadas ao longo de sua carreira.

O CEO afirma que engenharia, design e arquitetura podem trabalhar juntos para o sucesso de um projeto. “Tem tudo a ver. No Brasil não somos habituados a gastar o tempo devido para desenvolver no projetos - no sentido amplo da palavra. Projeto é estudar se tem alguma coisa que tem necessidade, desejo ou oportunidade de criar mais bem estar, conforto para alguém”, destaca ao completar: “Então, design, arquitetura, iluminação e engenharia tem tudo a ver com a oportunidade de criar desenvolvimento para as pessoas”.

Renato Vale ressalta o que os jovens devem ter em mente ao escolher uma área de atuação. “Quando me formei, há muitos anos, os profissionais tinham apenas uma linha de atuação em mente - tudo era mais bem definido. Um engenheiro, por exemplo, estudava para construir coisas”, diz. “Hoje em dia, quando você fica sabendo que provavelmente 40% das profissões não devem existir em sete anos, é fantástico. Os jovens devem estar atentos aos rumos e desenvolvimentos tecnológicos de usos e costumes para perceber sua vocação. É muito difícil, mas meu conselho é: faça o que você gosta e com muito gosto”.

Apesar de ter sempre valorizado e investido em seu trabalho, Renato Vale  afirma que  nunca foi um workaholic. “Estamos aqui para viver. O trabalho é um objetivo importante, mas não é o principal”.

Enviar comentário

voltar para Blog de Iluminação Arqflex

left show tsN fwB|left tsN fwB|left show fwB|bnull|||news login fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR b01 c05 bsd|normalcase b01 c05 bsd|login news normalcase fwR b01 c05 bsd|tsN normalcase fwR b01 c05 bsd|signup b01 normalcase c05 bsd|content-inner||

Telefone: (61) 3223-9772